O saque-aniversário do FGTS é uma modalidade que permite ao trabalhador sacar uma parte do saldo do fundo todo ano, no mês do aniversário, sendo uma boa opção para quem precisa de dinheiro rápido e sem burocracia. 

Esse tipo de empréstimo está liberado no Brasil desde 2020, onde é possível antecipar até 12 parcelas do seu saque-aniversário.

Por isso, se você está precisando de dinheiro extra para algum imprevisto ou projeto e tem saldo na sua conta do FGTS, continue conosco e veja as melhores dicas de como antecipar esses valores!

Dicas de como antecipar o saque-aniversário do FGTS

Confira abaixo as melhores estratégias e etapas para solicitar o empréstimo com antecipação do saque-aniversário do FGTS!

1. Conheça as regras

Antes de tudo, é importante entender como funciona o saque-aniversário e a antecipação. O saque-aniversário é uma opção que pode ser escolhida pelo trabalhador a partir de sua primeira conta no FGTS. 

Ao optar pela modalidade, o trabalhador passa a ter direito a sacar uma parte do saldo do fundo todo ano, no mês do aniversário.

A antecipação do saque-aniversário é um empréstimo que permite ao trabalhador sacar até 12 parcelas do saque-aniversário antecipadamente. 

Para isso, é necessário que o trabalhador tenha saldo disponível no FGTS e que atenda aos requisitos estabelecidos pelas instituições financeiras.

2. Verifique se você tem saldo disponível

Para poder antecipar o saque-aniversário, é preciso ter saldo disponível no FGTS. Você pode consultar o saldo pelo aplicativo do FGTS ou pelo site do Fundo.

3. Compare as taxas e condições das instituições financeiras

As instituições financeiras oferecem diferentes taxas e condições para a antecipação do saque-aniversário. Por isso, é importante comparar as opções antes de fazer a contratação.

4. Faça as contas

Antes de contratar a antecipação, é importante fazer as contas para saber se o valor que você vai receber vai compensar o valor das parcelas do empréstimo.

5. Considere o seu orçamento

É importante considerar o seu orçamento ao fazer a contratação da antecipação. As parcelas do empréstimo devem caber no seu orçamento sem comprometer suas finanças.

6. Leia o contrato com atenção

Antes de assinar o contrato, leia com atenção todas as condições do empréstimo, incluindo as taxas, o valor das parcelas, os prazos de pagamento e as penalidades em caso de atraso.

7. Não se esqueça da multa rescisória

Se você for demitido sem justa causa, terá que pagar uma multa rescisória de 40% sobre o saldo do FGTS. Essa multa não será descontada das parcelas do empréstimo, mas será cobrada integralmente no momento da rescisão.

8. Considere outras opções

Antes de contratar a antecipação do saque-aniversário, é importante considerar outras opções de crédito, como o empréstimo pessoal ou o cartão de crédito. Essas opções podem oferecer taxas mais baixas ou condições de pagamento mais flexíveis.

9. Não se apresse

Não se apresse na contratação da antecipação do saque-aniversário. Pesquise as opções e faça as contas com calma para tomar a melhor decisão.

10. Seja responsável

A antecipação do saque-aniversário é um empréstimo, e como todo empréstimo, deve ser pago. Seja responsável com as parcelas do empréstimo para evitar problemas financeiros.

Ou seja, só solicite se realmente for necessário e pensando no seu orçamento como um todo, sendo recomendado nos seguintes casos:

  • Se você tem dívidas, considere usar o dinheiro da antecipação para pagá-las
  • Caso esteja planejando fazer uma reforma ou comprar um imóvel
  • Se você estiver com um imprevisto financeiro que demande de dinheiro extra

Em resumo: a antecipação do saque-aniversário do FGTS pode ser uma boa opção para quem precisa de um dinheiro extra para algum imprevisto ou projeto. No entanto, é importante fazer as contas com atenção e considerar todas as opções antes de fazer a contratação.