O crédito consignado é uma opção popular para quem busca dinheiro e limite com taxas de juros mais baixas e prazos estendidos. Mas, você sabia que com as dicas certas é possível pagar menos no empréstimo consignado?

Assim, o empréstimo que já é um dos mais baratos no Brasil, pode ficar ainda mais acessível ao seu bolso. Por isso, continue conosco e veja sete dicas valiosas para ajudar você a pagar menos no empréstimo consignado, aproveitando ao máximo as vantagens que essa linha de crédito oferece!

1. Compare diferentes instituições

Antes de fechar um contrato de empréstimo consignado, compare as taxas e condições oferecidas por diferentes instituições financeiras.

Mesmo sendo um tipo de crédito com juros mais baixos, as variações de juros praticados podem impactar significativamente o custo total do empréstimo.

2. Entenda as taxas e custos

Além dos juros, é importante entender todos os custos associados ao empréstimo consignado, como a taxa de abertura de crédito e o seguro prestamista.

Algumas instituições cobram tais taxas e custos de seus clientes, inclusive sem informá-los, o que além de encarecer seu empréstimo, também se configura como uma prática abusiva descrita no Código do Consumidor.

3. Avalie o prazo de pagamento

Embora o empréstimo consignado seja conhecido por oferecer prazos estendidos, lembre-se de que quanto maior o prazo, mais juros você pagará ao longo do tempo.

Por isso, para pagar menos no empréstimo consignado, avalie se é possível parcelar em menos vezes ou até mesmo se dá para antecipar parcelas ou quitar a dívida mais rapidamente, caso consiga.

4. Acompanhe as parcelas e pagamentos

Fique atento às parcelas pagas e ao saldo devedor, pois algumas instituições podem cometer erros no cálculo das parcelas ou não considerar os pagamentos realizados.

5. Utilize o 13º Salário ou rendimentos extras

Se possível, utilize rendimentos extras, como o 13º salário, para antecipar parcelas do empréstimo. Isso reduzirá o saldo devedor e, consequentemente, os juros que você pagaria ao longo do prazo original.

6. Renegocie em caso de necessidade

Se você estiver enfrentando dificuldades financeiras, não hesite em entrar em contato com a instituição financeira para discutir a possibilidade de renegociação.

Algumas instituições oferecem opções de pausa temporária nas parcelas, redução do valor das prestações, aumento do prazo de pagamento ou uma diminuição nos juros.

7. Evite a portabilidade sem avaliação

A portabilidade de um empréstimo consignado para outra instituição pode parecer uma forma de economizar, mas é importante avaliar cuidadosamente as taxas, custos e condições da nova instituição antes de fazer a mudança.

Em geral, a negociação sobre a portabilidade de crédito é mais vantajosa, pois a nova instituição financeira, provavelmente, oferecerá uma taxa de juros mais baixa.

Em resumo: Pagar menos no empréstimo consignado requer pesquisa, planejamento e acompanhamento constante das parcelas e custos envolvidos. Mas, com as dicas acima, você estará mais bem preparado para tomar decisões financeiras inteligentes, aproveitando as vantagens dessa modalidade de crédito enquanto minimiza os custos associados.