A declaração do Imposto de Renda é uma obrigação anual para a maioria dos brasileiros, e é comum cometer erros na hora de preencher a declaração. Esses erros podem gerar problemas e atrasos no processamento da declaração, além de possíveis autuações fiscais.

Omissão de rendimentos

Sejam eles provenientes de trabalho, aluguel, investimentos ou outras fontes de renda. Muitas pessoas acreditam que não precisam declarar determinados rendimentos, o que pode levar à autuação fiscal e à cobrança de multas e juros.

Falta de comprovação dos rendimentos declarados.

É importante manter documentos e recibos que comprovem as informações prestadas na declaração, como comprovantes de pagamento de aluguel, recibos de salário, extratos bancários e documentos de investimentos.

Declaração de despesas que não são dedutíveis

Fique de olho em gastos pessoais, despesas com educação e saúde que não foram realizadas, entre outras. É importante conhecer as regras de dedução do Imposto de Renda e manter comprovantes de todas as despesas declaradas.

Erros nas informações pessoais

É importante estar atento às informações prestadas na declaração, como CPF e dados bancários, e conferir as informações antes de transmitir a declaração para a Receita Federal. Erros nas informações pessoais podem gerar atrasos e dificuldades no processamento da declaração.

Por fim, é importante lembrar que a declaração do Imposto de Renda deve ser feita com cuidado e atenção, evitando erros e possíveis autuações fiscais. Em caso de dúvidas, é recomendável buscar a ajuda de um profissional especializado em contabilidade ou de um programa de preenchimento da declaração oferecido pela própria Receita Federal.